quarta-feira, 12 de maio de 2010

dicas para formandas



Chegou a hora da festa e... Da escolha da roupa!
Ao longo de todo o curso você vai pagando a formatura. Um pouquinho todo mês. Uma festa aqui, uma rifa ali e o montante arrecadado vai crescendo sem que você perceba, ou que pese severamente no seu bolso. Mas quando o grande dia se aproxima você se dá conta de um ponto muito importante que poderá causar um verdadeiro rombo no seu orçamento. E no de seu pai, sua mãe, irmãs e irmãos e até mesmo no dos amigos. As roupas para toda a família em todos os eventos de sua formatura. Não é pouco. São muitas roupas; roupas finas e, conseqüentemente caras; roupas de festa que, convenhamos, custa uma pequena fortuna; especialmente para mulheres. Se você é uma formanda que tem mãe e uma série de irmãs, você realmente está correndo o risco de falir toda a família. Mas, não se desespere, existem no mercado boas opções.
Vestido de baile, pouca gente tem no guarda-roupa. Primeiro, pelo que já falamos acima: preço; segundo, porque você não é convidada para tantos bailes assim, é? E se for, não vai ficar repetindo o mesmo vestido em todos. Já o homem pode repetir, mas nem todos podem se dar ao luxo de ostentar um "smoking" no armário. Sendo assim, se você não é filho nem filha de uma "socialite" busque uma solução no aluguel. É... Isto mesmo... Aluguel! E nem pense em torcer o nariz.
Os rapazes muito provavelmente já aventaram esta possibilidade. Como não há mesmo muita escolha de modelos e cores para "smokings" - ou mesmo para ternos -, muitas turmas têm decidido por um modelo único para todos os formandos; o que fica até muito bonito e cria um diferencial. Você vê aquela turma toda igualzinha entre si e diferente de todos na festa; imediatamente, e a partir daí, em qualquer lugar você identifica os formandos. Para acompanhar o "smoking" não se usa mais a famosa gravata borboleta, porque o risco de que a turma de formandos seja confundida com os garçons é grande. Hoje é usado um tipo de gravata chamada "plastron"; uma gravata que já vem com o nó pronto. São duas partes fechadas na parte posterior do pescoço com velcro. Mais praticidade do que isto só se você já nascer de gravata.
Já entre as mulheres este modelito em comum é absolutamente inimaginável. Já pensou as mulheres de uma turma chegando ao baile vestidas exatamente igual? Todo mundo iria achar que a empresa de cerimonial tinha exagerado um pouco no número de recepcionistas. Por isto, o aluguel para mulheres funciona de uma forma bem diferente, como nos explica Conceição Maciel, do atelier de alta-costura que ostenta seu mesmo nome, que a cada dia vem atendendo, mais e mais, suas clientes na base do aluguel. "Os eventos de formatura gastam muita roupa. Tem a missa, a colação, às vezes coquetel e baile. Assim as clientes vêm preferindo o aluguel, que fica menos de um terço do valor de venda. Com isto, você praticamente paga todas as roupas que vai usar em sua formatura pelo preço que pagaria na compra de um só vestido," conta ela.
O aluguel é feito de duas maneiras. O chamado primeiro aluguel é o mais procurado, embora seja um pouco mais caro. Funciona assim: você vai até o atelier, senta-se com o estilista, conversa com ele, explica o que você quer e ele desenvolve um vestido especialmente para você, com a sua cara, do jeitinho que você sonhou. Aí suas medidas são tiradas e o vestido é confeccionado para você. É um vestido que ningúem nunca viu. É um modelo exclusivo, ou seja, não existem dois iguais. Soa como uma compra comum, não é? A única diferença é que após a festa o vestido volta pra loja. E você volta pra casa após ter brilhado em seu traje de sonhos, sem que seu bolso sofresse tanto assim. Este vestido que retornou para a loja, vai então para o segundo aluguel. Mais barato, este tipo de negócio funciona também como uma compra. Você vai até a loja, escolhe o seu vestido entre os muitos que a loja possui; se necessários são feitos ajustes, e ,no dia da festa, você leva seu vestido pra casa. Embora neste caso o vestido não tenha sido feito sob medida para você, ainda assim é um modelo exclusivo e não existem dois iguais. E o preço é bastante acessível.
Como já falamos, é fundamental num baile de formatura que nenhuma formanda se apresente com um vestido igual ao de outra. Se tal tragédia acontecer, e podem acreditar, já aconteceu, a noite está perdida porque não há como voltar pra casa para trocar. A não ser que a sua família possua um atelier de alta-costura, ou você seja uma destas poucas privilegiadas que tem mais de um "traje a rigor", ou pelo menos "passeio completo". Para evitar tais atropelos a maioria das pessoas que trabalha com aluguel de roupas costuma criar uma pasta para cada evento e ali anotar quais os modelos já foram alugados (seja primeiro ou segundo aluguel). Assim, ninguém aparece vestida de "espelho". Mesmo quem trabalha só com modelos exclusivos, como Conceição Maciel, adota esta prática. "Muitas vezes as pessoas pedem modelos parecidos, mesmo que em cores diferentes; aí eu oriento para que se escolha um outro estilo para que cada uma possa realmente ter um modelo só para ela," diz a estilista.
Alguns destes locais oferecem roupas para todas as ocasiões, assim você pode escolher a roupa da missa, da colação e do baile, num só lugar. A maioria oferece também os acessórios, como sapatos e bolsas e, até mesmo brincos e gargantilhas.
Se você tem o sonho e o poder aquisitivo de guardar para sempre aquele vestido como uma lembrança de um dos momentos mais importantes de sua vida, então vá em frente. Mas se não for este o caso, não se reprima; o aluguel é mais do que uma opção maravilhosa para você estrelar a sua noite de formatura, é, na verdade, uma grande solução para um problema que deixa muitas formandas de cabelos em pé.

Nenhum comentário:

Postar um comentário